terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Angina

Nos lados da faringe encontram-se localizados órgãos chamados amígdalas, cuja função e objetivo é evitar que se provoquem infeções no organismo, no entanto muitas vezes estes órgãos protetores são afetados por uma infecção causada por um vírus ou por bactérias. A esta doença os médicos chamam de angina. É muito fácil reconhecer se temos anginas, uma vez que o desconforto, a dor e o ardor são os principais sintomas desta doença. Esta doença é altamente contagiosa, se um dos membros de família tiver anginas pode contagiar os outros. Aqui você conhecerá os restantes sintomas, também o tratamento para curá-la e como se produz o contágio das anginas.
Quais são os sintomas das anginas

Dor de garganta.
Dificuldade em engolir.
Ardor ao beber algo quente.
Perda de voz.
Febre.
Dor de cabeça.
Diminuição do apetite.
Rouquidão.
Mau hálito.
Inflamação das glândulas linfáticas que se localizam no pescoço, para além de dor nessa área.
Dor de ouvido.
Náuseas.
Vômitos.
Olhos vermelhos.
Calafrios.
Tratamento para as anginas

No caso desta ser causada por uma bactéria, o tratamento será com antibióticos como a amoxicilina ou a azitromicina. Se for causada por um vírus, irá utilizar-se paracetamol ou ibuprofeno e o organismo também se encarregará de eliminá-lo.
Também se recomendam os remédios caseiros que ajudam a diminuir a inflamação, a dor e o desconforto que provoca a angina.
Fazer gargarejos com sal e bicarbonato.
Chupar um gelo para diminuir a inflamação.
Como se contagiam as anginas?

Uma pessoa com anginas pode contagiar a outra com a sua saliva, por isso é recomendável manter-se longe de uma pessoa que possa ter angina, uma vez que pode contagiá-lo ao tossir, ao espirrar, ao beijar os lábios e até ao beber pelo mesmo copo.