quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Trate as suas fotos antes de publicar na web

 Depois de editar uma fotografia, é hora de preparar o arquivo para ser publicado na internet, ajustando a nitidez, adicionando metadados, convertendo para o espaço de cor adequado. Finalizar corretamente o fluxo digital garante não apenas a melhor visualização da imagem, mas também a indexação em sites de busca e, consequentemente, uma divulgação mais adequada do trabalho do fotógrafo.

Para adicionar metadados no Lightroom:
No Lightroom, é possível inserir metadados já na importação das imagens. Se não, vá ao submenu Metadata, da aba Library. Uma das vantagens de utilizar o Lightroom é a sincronização de informações, ou seja, é possível aplicar as configurações em todos os arquivos rapidamente.

Para adicionar metadados no Photoshop:
Diferente do Lightroom, no Photoshop só é possível adicionar metadados em uma imagem por vez. É mais trabalhoso, mas igualmente eficiente. Outra desvantagem é que a função é inativa nas versões portable.
Dica: Trabalhe com a Intensidade sempre em 100%; o Raio controla o tanto de pixels que serão “fundidos”; o Limiar volta ao natural as áreas de pouco contraste.
Antes de aplicar o filtro, crie uma camada com todos os ajustes com Ctrl Alt Shift N E. Dessature as cores com Shift Ctrl U. Mude o modo da camada para Sobrepor (Overlay).
Quando fotografamos em raw, geralmente editamos a imagem em PhoPhoto ou, no mínimo, em Adobe RGB. Esses espaços de cor têm maior quantidade de informação, nos permitindo explorar mais a edição de cores.

Técnicas de edição não destrutiva
A Edição não destrutiva permite fazer alterações em uma imagem sem sobrescrever os dados da imagem original, que permanecem disponíveis caso você queira reverter a ela. Como a edição não destrutiva não remove dados de uma imagem, a qualidade da imagem não dimuniu ao fazer edições. Você pode executar a edição não destrutiva no Photoshop de diversas maneiras:

Trabalhando com camadas de ajuste As camadas de ajuste aplicam ajustes de cores e tons a uma imagem sem alterar permanentemente os valores de pixel.
Transformando com Objetos Inteligentes Objetos Inteligentes permitem o dimensionamento, a rotação e a deformação não destrutivos.

Filtrando com Filtros Inteligentes Os filtros aplicados a Objetos Inteligentes se tornam Filtros Inteligentes e permitem efeitos de filtro não destrutivos.
Ajustando variações, sombras e realces com Objetos Inteligentes Os comandos Sombra/Realce e Variações podem ser aplicados a um Objeto Inteligente como Filtros Inteligentes.

Retocando em uma camada separada As ferramentas Carimbo, Pincel de Recuperação e Pincel de Recuperação para Manchas permitem fazer retoques em uma camada separada de forma não destrutiva. Certifique-se de selecionar Obter Amostra de Todas as Camadas na barra de opções (selecione Ignorar Camadas de Ajuste para garantir que as camadas de ajuste não afetem a camada separada duas vezes). Você pode descartar o retoque não satisfatório, se necessário.
Editando no Camera Raw Os ajustes a lotes de imagens Raw, JPEG ou TIFF preservam os dados da imagem original. O Camera Raw armazena configurações de ajuste por imagem separadamente dos arquivos de imagem originais.
Abrindo arquivos Camera Raw como Objetos Inteligentes Antes de editar arquivos Camera Raw no Photoshop, é necessário definir configurações com o Camera Raw. Assim que tiver editado um arquivo Camera Raw no Photoshop, não é possível reconfigurar as configurações do Camera Raw sem perder as alterações. A abertura dos arquivos Camera Raw no Photoshop como Objetos Inteligentes permite reconfigurar as configurações do Camera Raw a qualquer momento, mesmo após editar o arquivo.

Corte não destrutivo Após criar um retângulo de corte com a ferramenta Corte, selecione Ocultar na barra de opções para preservar a área cortada em uma camada. Restaure a área cortada a qualquer hora, escolhendo Imagem > Revelar Todas ou arrastando a ferramenta Corte Demarcad além da aresta da imagem. A opção Ocultar não está disponível para imagens contendo apenas uma camada de plano de fundo.
Mascarando As máscaras de camada e de vetor não são destrutivas, porque é possível reeditar as máscaras sem perder os pixels ocultos. As máscaras de filtro permitem mascarar os efeitos de Filtros Inteligentes em camadas do Objeto Inteligente.
Conversão de arquivos com o Processador de Imagens
O Processador de Imagens converte e processa vários arquivos. Ao contrário do comando Lote, o Processador de Imagens possibilita o processamento de arquivos sem exigir que uma ação seja criada primeiro. O Processador de Imagens permite executar qualquer uma destas ações:

Converter um conjunto de arquivos no formato JPEG, PSD ou TIFF ou converter arquivos simultaneamente em todos os três formatos.
Processar um conjunto de arquivos camera raw usando as mesmas opções.
Redimensionar imagens para ajustá-las às dimensões em pixels especificadas.
Incorporar um perfil de cores ou converter um conjunto de arquivos em sRGB e salvá-los como imagens JPEG para a Web.
Incluir metadados de direitos autorais nas imagens convertidas.
O Processador de Imagens trabalha com arquivos PSD (Photoshop), JPEG e Camera Raw.
1.Siga um destes procedimentos:
Escolha Arquivo > Scripts > Processador de Imagens (Photoshop)
Escolha Ferramentas > Photoshop > Processador de Imagens (Bridge)
2.Selecione as imagens que serão processadas. É possível optar por processar todos os arquivos abertos ou por selecionar uma pasta de arquivos a serem processados.
3.(Opcional) Para aplicar as mesmas configurações a todas as imagens, selecione a opção Abrir a Primeira Imagem para Aplicar Configurações.
Para o processamento de um grupo de arquivos camera raw obtidos sob as mesmas condições de iluminação, é possível ajustar a configuração preferencial na primeira imagem e, em seguida, aplicar as mesmas configurações às imagens restantes.
Use essa opção com arquivos de origem PSD ou JPEG caso o perfil de cores do arquivo não corresponda ao perfil de trabalho atual. É possível escolher um perfil de cores no qual converter a primeira imagem e todas as imagens da pasta.
Nota: As configurações aplicadas com o Processador de Imagenssão temporárias e são usadas exclusivamente com o Processador de Imagens. A imagem é processada com suas configurações camera raw atuais, a não ser que sejam alteradas no Processador de Imagens.
4.Selecione o local desejado para salvar os arquivos processados.
Se o mesmo arquivo for processado várias vezes no mesmo destino, cada arquivo resultante será salvo com seu próprio nome e nenhum deles será sobrescrito.
5.Selecione os tipos de arquivos e as opções para salvar os arquivos. Salvar como JPEG Salva imagens no formato JPEG dentro de uma pasta denominada JPEG, na pasta de destino.
Qualidade Define a qualidade de imagens JPEG entre 0 e 12.
Redimensionar para Ajustar Redimensiona a imagem para ajustá-la às dimensões digitadas em Largura e Altura. A imagem preserva suas proporções originais.
Converter Perfil em sRGB Converte o perfil de cores em sRGB. Verifique se a opção Incluir Perfil ICC está selecionada para possibilitar que a imagem seja salva junto com o respectivo perfil.
Salvar como PSD Salva imagens no formato Photoshop dentro de uma pasta denominada PSD, na pasta de destino.
Maximizar Compatibilidade Salva uma versão composta de uma imagem em camadas no arquivo de destino, para possibilitar a compatibilidade com aplicativos que não conseguem ler imagens em camadas.
Salvar como TIFF Salva imagens no formato TIFF dentro de uma pasta denominada TIFF, na pasta de destino.
Compactação LZW Salva o arquivo TIFF usando o esquema de compactação LZW.
6.Defina outras opções de processamento. Executar Ação Executa uma ação do Photoshop. Escolha o conjunto de ações no primeiro menu e a ação no segundo menu. Para poder aparecer nesses menus, o conjunto de ações deve ser carregado no painel Ações.
Informações sobre Copyright Inclui qualquer texto digitado nos metadados de direitos autorais IPTC para o arquivo. O texto incluído sobrescreve os metadados de direitos autorais do arquivo original.
Incluir Perfil ICC Incorpora o perfil de cores com os arquivos salvos.
7.Clique em Executar.
Antes de processar as imagens, clique em Salvar para salvar as configurações atuais da caixa de diálogo. Na próxima vez em que você precisar processar arquivos usando este grupo de configurações, clique em Carregar e navegue até as configurações salvas do Processador de Imagens.