terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Dez dicas para fotografar retratos

 Tirar um retrato tornou-se tão comum que passou a ser até sinônimo de fotografia em alguns casos. O retrato é a reprodução da imagem de uma pessoa e, por isso, é uma das atividades mais comuns quando queremos registros fotográficos. “Fotografamos os amigos numa festa, os pais numa viagem e até a si próprio, para publicar nas redes sociais, entre outros exemplos”.
1 Destaque o belo

Procure as partes que considera mais bonitas na pessoa e as destaque. Observe o modelo e perceba o que mais chama a atenção nele. Procure um ângulo que realce aquela área, sem desproporcionar a pessoa.
2 Técnica
Use a regra dos terços e busque destacar nos pontos de ouro a parte que considera principal no retrato. Se seu retrato expressar um olhar, destaque os olhos, se expressar um sorriso, a boca, e assim por diante.
Nem sempre é necessário seguir as regras para fazer um bom retrato. Tente sempre escapar às regras se achar que a linguagem da fotografia ficará nítida e agradável, transmitindo sua intenção.
3 Foco

A abertura do diafragma complementará o destaque do retrato, junto à regra dos terços. Quanto mais aberta, mais se desfoca aquilo que não é o objeto principal. Uma opção nas câmeras compactas é utilizar os modos de cena. No modo “retrato”, a lente fica mais aberta e tende a realizar esse desfoque, já no modo “paisagem” a abertura da lente diminui e tende a focar toda a cena, caso todos os elementos devam ficar bem visíveis.
4 Composição

Busque uma composição que favoreça a linguagem do retrato. Ou seja, procure elementos que transmitam aquilo que quer dizer com a foto, por exemplo, ao fotografar um jogador de basquete, ele pode estar girando a bola no dedo, um bebê pode estar brincando na grama e assim por diante. Caso o rosto da pessoa forme toda a composição da imagem, você pode enquadra-lo mais de perto, ou com um fundo neutro(cor sólida).
5 Seja criativo

Apesar de existirem varias regras de composição fotográfica, ouse quebrá-las caso esteja vendo uma imagem que não as siga. Pode ser que crie um retrato inusitado e agradável.
6 Brinque com luzes

Ao utilizar a opção paisagem de sua máquina, a velocidade de obturação será reduzida, o que em ambientes noturnos pode ser bem favorável para iluminar a pessoa retratada com luzes de lanternas e leds e fazer desenhos divertidos. Essa técnica é conhecida como light painting. Para isso a câmera deve estar apoiada sobre algum suporte, como um tripé ou uma mesa.
7 Trabalhe com as cores

Assim como, ao nos vestimos, pensamos nas cores que combinam ou não, na fotografia também devemos nos ocupar com essa parte. As cores em cena podem produzir uma sensação desagradável, procure cores que destaquem o objeto principal ou que harmonizem entre si. Uma opção, caso não tenha escolha quanto ãs cores, é tirar a foto em preto e branco, prestando atenção ao contraste produzido com os tons presentes, para que não perca o destaque de seu objeto por falta de contraste.
8 Ideia de movimento

Uma técnica que costumo usar ao fotografar um grupo de pessoas é pedir que todos fiquem se mexendo em várias posições enquanto os fotografo num mesmo enquadramento. Ao colocar as fotos uma ao lado da outra, tem-se um efeito muito divertido, dando idéia de continuidade de um filme. A velocidade não precisa ser muito alta, 1/60 já é o suficiente. No modo automático da máquina já resolve, a não ser que esteja escuro. Para fazer isso, tire várias fotos seguidas numa mesma posição enquanto as pessoas fazem poses.
9 Invente
O que sempre destacou os principais retratos da história foi a originalidade. Busque sair do comum, ir além das pessoas com poses simples em regras que sempre dão certo. Caso não haja espaço para a imaginação no momento do retrato, abuse das técnicas que dão certo, mas se tiver essa oportunidade, inove e fuja do convencional.
10 Flash

Particularmente, prefiro as luzes naturais, no máximo um flash suave de preenchimento direcionado a um rebatedor.  Mas isso será sempre um gosto pessoal, até mesmo a luz dura com flash direto na pessoa retratada é usada e aprovada, se tiver a ver com o contexto da foto. O importante é que o retrato fique agradável para você e para a pessoa retratada.